Concurso Fotográfico Olhares da Aviação

Conheça os cinco finalistas, escolhidos pela comissão julgadora. Ressaltamos que os nomes estão em ordem alfabética.

A classificação do 1º ao 5º colocado será revelada no dia 14 de outubro, durante o 1º Congresso Nacional de Aviação.

Parabéns aos finalistas!

César Augusto Novaes
José Stuppiello
Leonardo Jacinto Caldas
Rafael Borba
Tadeu Antunes Primo

Veja as fotos finalistas no link abaixo:
https://www.flickr.com/…/sindicato…/albums/72157671080528704

Entre seus canais de comunicação diretos com a categoria, o SNA oferece aos tripulantes associados a possibilidade de atendimento via Whatsapp.

De forma a otimizar esse atendimento, os atendimentos via Whatsapp serão a partir de agora concentrados em apenas dois números.

- Atendimento geral ao associado:

Whatsapp: 11 98687-0052

- Departamento jurídico:

Whatsapp: 11 95375-0095

Para utilizar estes canais, basta salvar estes números em seus contatos no celular e enviar uma mensagem.

Confira nossos outros canais de atendimento: https://tinyurl.com/sna-atendimento.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 11 98687-0052
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store

A Coordenação-Geral do Programa Nacional de Imunizações, do Ministério da Saúde, enviou ofício ao SNA nesta terça-feira (26), em resposta a uma solicitação do sindicato, em que voltou a confirmar que os aeronautas estarão incluídos como grupo prioritário na atualização do plano, que deverá ser publicada em breve.

O ofício afirma:

“Considerando a busca mundial pela tecnologia e produção de vacina COVID-19,  em que não há disponibilidade imediata da mesma a toda população, e considerando o quantitativo de doses disponível no Ministério da Saúde para a primeira fase de vacinação contra a covid-19, optou-se pelos seguintes grupos prioritários:  pessoas com 60 anos ou mais institucionalizadas; pessoas com deficiência institucionalizadas maiores de 18 anos; população indígena maior de 18 anos vivendo em terras indígenas; e um percentual dos trabalhadores da saúde, em especial os que encontram-se trabalhando diretamente nos ambientes de assistência à covid-19.

Insta informar que Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a covid-19 está em vias de atualização, diante disso informamos que os aeronautas estão elencados como grupo prioritário para a vacinação contra a covid-19.  Ressalta-se que é de interesse do PNI e do Ministério da Saúde vacinar toda a população brasileira, a ocorrer de maneira escalonada considerando primeiramente a proteção dos grupos mais vulneráveis e a manutenção dos serviços essenciais.”

O SNA ressalta ainda que, em Informe Técnico publicado no dia 18, o Ministério da Saúde também ressaltou os diversos grupos definidos como alvo prioritário da campanha, entre eles os trabalhadores do transporte aéreo.

Íntegra do Informe Técnico do MS: https://tinyurl.com/y67c5bwr.

Destacamos que ainda não há detalhes sobre a vacinação ao grupo, não havendo portanto previsões de data. Divulgaremos mais informações assim que houver novidades.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store

Em resposta ao requerimento feito pelo SNA de inclusão imediata da categoria dos aeronautas entre os grupos prioritários para vacinação contra a covid-19, o Ministério da Saúde enviou ofício ao sindicato em que confirma que “o grupo mencionado encontra-se entre os grupos elencados como prioritários”.

Em Informe Técnico publicado na segunda-feira (18), o Ministério da Saúde também ressaltou os diversos grupos definidos como alvo prioritário da campanha, entre eles os trabalhadores de transporte aéreo.

O SNA solicitou ao Ministério da Saúde mais detalhes sobre a vacinação ao grupo e divulgaremos assim que tivermos novidades.

Íntegra do Informe Técnico do MS: https://tinyurl.com/y67c5bwr.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store

O Projeto Fadigômetro ultrapassou na última semana a marca de 2 milhões de horas de jornada, com um total de 835 aeronautas cadastrados e 19.871 escalas processadas.

O estudo tem SNA, Abrapac, Asagol e ATL como entidades idealizadoras e financiadoras, além de contar com a participação e suporte científico da Universidade de São Paulo, por meio de professores e pesquisadores da Faculdade de Saúde Pública, do Instituto de Física e do  Laboratório de Ciências da Cognição do Instituto de Biociências.

Para saber mais sobre o projeto acesse www.fadigometro.com.br.

O projeto também conta com o apoio da Comissão Nacional de Fadiga Humana, do Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos) e, mais recentemente, da empresa aérea Azul.

Resultados referentes às escalas de janeiro, maio e julho de 2018 foram recentemente publicados na Revista Brasileira de Medicina do Trabalho (versão em Português: https://cdn.publisher.gn1.link/rbmt.org.br/pdf/v18n1a02.pdf).

O próximo passo do projeto é realizar uma análise mais detalhada de um período recente que antecedeu a crise causada pela pandemia —2019 e início de 2020.

A partir de uma análise de grupos de escalas com determinadas características, de um passado recente de grande produtividade, pretende-se identificar as causas raízes da fadiga (considerando indicadores de modelos biomatemáticos), com o intuito de propor mitigações e recomendações de segurança na medida em que o setor caminha para sua plena recuperação.

Para participar da pesquisa basta acessar o link: https://cadastro.fadigometro.com.br/#!/cadastro.

Para informações técnicas, científicas e operacionais sobre o Fadigômetro, entre em contato diretamente com a equipe de pesquisadores responsáveis: https://www.fadigometro.com.br/index.php/contato

Diante da recente retomada do serviço de bordo em voos internacionais, em sua totalidade, pelas empresas aéreas Latam Airlines Brasil e Azul Linhas Aéreas, o SNA enviou ofício à Anvisa em que pede a atuação da agência reguladora para mitigar os riscos de transmissão de covid-19 a que os tripulantes e passageiros estão submetidos.

Além disso, o SNA alerta a Anvisa sobre o procedimento de desembarque de passageiros, em todos os operadores de linhas aéreas, sejam voos nacionais ou internacionais, já que um comissário precisa ficar no meio da aeronave acompanhando todo o desembarque de passageiros, o que poderia ser feito por simples orientação feita por interfone, respeitando o distanciamento social.

No documento, o sindicato também relembra que as empresas não mais destinam um sanitário para uso exclusivo dos tripulantes como era a alguns meses atrás, o que aumento o risco de contágio.

Uma resolução da Anvisa já previu a suspensão do serviço de bordo, mas  apenas em voos domésticos —no caso de voos internacionais, deveriam existir regras mais detalhadas, restringindo o serviço de bordo a apenas bebidas e alimentos em embalagens individuais e, preferencialmente, industrializados, de fácil e rápido consumo, diminuindo, assim, o tempo de não utilização das máscaras pelos passageiros e risco de disseminação do vírus.

O SNA ressalta ainda que vivemos um novo pico de casos de covid-19 no Brasil desde o início de dezembro de 2020, sendo necessárias, portanto, as medidas cabíveis, entre elas fiscalizações nas aeronaves da Latam Airlines e da Azul empregadas em voos internacionais, fiscalização do serviço de bordo e dos procedimentos de embarque e desembarque de passageiros em todas as operadoras, bem como a apuração dos riscos envolvidos de contágio dos tripulantes e a edição de normas e recomendações.

Íntegra do ofício enviado pelo SNA à Anvisa: https://tinyurl.com/y2bx2bse.

Em caso de dúvida, entre em contato com o SNA.

Canais de atendimento do SNA: https://bit.ly/3breFNZ.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store

O SNA ingressou com ação contra a Omni Táxi Aéreo em que pede o cumprimento da Convenção Coletiva de Trabalho de Taxi Aéreo com a correta aplicação dos reajustes de todas as verbas salariais dos tripulantes (parcela fixa, parcela variável, diárias, horas de voos, gratificações, adicional de periculosidade, hora garantia etc.).

A ação pede o pagamento das diferenças de reajuste de 4% (1/12/14 a 30/9/15); de 5,5% (1/6/16 a 30/9/16); de 0,5% (1/10/16 a 30/11/16); de 0,5% (1/12/16 a 1/6/17); e de 1,25% (1/7/17 a 30/9/17).

Além disso, foi solicitado o pagamento de todos os reflexos em 13º salários, férias acrescidas do terço constitucional, DSR, aviso prévio, verbas rescisórias, adicional de periculosidade e FGTS, acrescido da multa de 40%.

Também foi requerido que a empresa seja condenada a regularizar imediatamente os pagamentos vindouros, passando a aplicar os reajustes convencionais às verbas remuneratórias variáveis e diárias de alimentação, sob pena de multa.

Por fim, a ação pede dano moral e multa da CCT.

Em caso de dúvida, entre em contato com o SNA.

Canais de atendimento do SNA: https://bit.ly/3breFNZ.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store

Em assembleia realizada pelo SNA nesta terça-feira (22), os tripulantes instrutores do Aeroclube de Biritiba Mirim-SP, aprovaram um Acordo Coletivo de Trabalho com vigência até 2022.

O acordo prevê, além do piso salarial normativo, a valorização da hora noturna em 100%, adicionais por hora de voo e desempenho de função, mínimo de oito folgas mensais e o custeio pelo aeroclube das revalidações do CHT e CMA.

Vale ressaltar a aprovação da proibição de contratação de mão de obra locada e o adicional de 30% de periculosidade sobre toda a remuneração, além da adesão ao FAM (Fundo de Auxílio Mútuo) dos instrutores custeada pelo aeroclube.

Lembramos que os aeronautas podem e devem procurar o SNA para informar e denunciar quaisquer irregularidades por meio do e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Em caso de dúvida, entre em contato com o SNA.

Canais de atendimento: https://bit.ly/3breFNZ.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store

O SNA ingressou com uma ação contra a Líder Táxi Aéreo para que seja considerado o pagamento do adicional de periculosidade devido aos aeronautas com contratos de trabalho ativos e inativos (período de prescrição de cinco anos), nas operações aéreas para a cadeia produtiva de óleo e gás, em contrato com a Petrobras.

Na ação, o SNA pede que a Líder e a Petrobras, com responsabilidade subsidiária, sejam condenadas a pagar o adicional de periculosidade de 30%, calculado sobre a parcela remuneratória fixa (salário base + compensação orgânica), com a integração do valor aos salários integrais, além de todos os reflexos decorrentes (13º, férias, FGTS etc).  

Além disso, o SNA requer que este percentual de 30% adicional seja integrado também à base de cálculo das parcelas remuneratórias variáveis, já que a remuneração dos aeronautas não é composta apenas pela parcela fixa.

O sindicato pede também que a Líder apresente os contratos de trabalho dos aeronautas contratados nos últimos cinco anos e outros documentos.

Fiquem atentos aos nossos meios de comunicação para novidades.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/sna-associe-se
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: SNA no Google Play ou Apple Store    

O SNA enviou ofício às empresas aéreas no qual requer que as mesmas prestem orientação aos comandantes a respeito do registro do início de jornada, com o correto preenchimento do Diário de Bordo.

O sindicato preparou um guia de orientação em que reforça a prática correta, com base nas normas e leis que regem a categoria.

Acesse: https://tinyurl.com/inicio-jornada.

Em caso de dúvida, entre em contato com o SNA.

Canais de atendimento da SNA: https://bit.ly/3breFNZ.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store

O SNA ingressou com uma ação de cumprimento contra a Passaredo Transportes Aéreos relativa ao Acordo Coletivo de Trabalho firmado em 25 de setembro de 2020, que trata da alteração da data de pagamento de salários por um período de quatro meses.

O ACT prevê a postergação do pagamento das remunerações dos aeronautas para até o dia 21 do mês subsequente ao vencido.

Na ação, o SNA pede liminarmente (para execução imediata, em caráter de urgência) que a Passaredo pague integralmente as remunerações da competência de novembro de 2020, já vencidas, com a devida correção até a data do efetivo pagamento.

Além disso, foi solicitada a imposição de multa diária a ser revertida em favor dos prejudicados, enquanto durar a situação de inadimplência, e a apresentação por parte da empresa de documentos comprobatórios.

A ação também pede que a Justiça determine o pagamento multa de R$ 500 a cada aeronauta pelo descumprimento do ACT no pagamento de novembro e por eventual descumprimento em dezembro e janeiro —além de pagamento de dano moral coletivo.

Fiquem atentos aos nosso meios de comunicação para novidades.

Em caso de dúvida, entre em contato com o SNA.

Canais de atendimento: https://bit.ly/3breFNZ.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store

Em assembleia realizada on-line no último dia 26 de novembro, os aeronautas associados da Passaredo Transportes Aéreos deliberaram por aprovar atuação judicial do SNA frente ao descumprimento pela empresa do Acordo Coletivo de Trabalho firmado em 25 de setembro de 2020 —que trata da alteração da data de pagamento por quatro meses.

os tripulantes também deliberaram por aprovar encaminhamentos do sindicato a respeito outras irregularidades trabalhistas cometidas pela companhia.

Ambas as deliberações foram aprovadas por maioria dos participantes.

Fiquem atentos aos nosso meios de comunicação para novidades.

Em caso de dúvida, entre em contato com o SNA.

Canais de atendimento: https://bit.ly/3breFNZ.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store