Ifalpa/Alpa publica documento sobre operação em espaços sujeitos à interferência do 5G

Fonte
  • Menor Pequena Medium Grande Maior
  • Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

A Ifalpa (Federação Internacional das Associações de Pilotos de Linha Aérea) publicou um documento no último dia 13 de janeiro, baseado em um alerta de segurança emitido pela Alpa (Airline Pilots Association), que atualiza recomendações para operações de aeronaves sob

potenciais efeitos adversos sobre os radioaltímetros devido à interferência de comunicações 5G.

O alerta da Alpa cita as diretrizes da FAA (Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos), que emitiu Notams (avisos para missões aéreas) para locais onde a presença de sinais sem fio 5G poderá interferir no radar da aeronave.

O documento afirma que é fundamental que os pilotos estejam cientes e cumpram todas as restrições impostas pela FAA e pelas companhias aéreas.

Os pilotos também devem garantir que o planejamento de voo e a preparação avançada considerem, especialmente, a possibilidade de necessidade de uso de aeroporto alternativo.

Além disso, os pilotos devem buscar ativamente informações em caso de dúvidas.

Veja a íntegra do documento: https://tinyurl.com/2p8kuvmv