CHC alega ter observado ordem da CCT em demissões; SNA fará análise

Fonte
  • Menor Pequena Medium Grande Maior
  • Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

Em resposta a questionamentos do SNA sobre possível redução de força de trabalho, a CHC do Brasil Táxi Aéreo enviou ofício no último dia 19 em que informa que de fato realizou demissões devido à crise causada pela pandemia de covid-19, porém respeitando a ordem prevista na cláusula 32 da Convenção Coletiva de Trabalho.

De acordo com a empresa, foi enviado comunicado aos empregados solicitando que aqueles que tivessem interesse em ser desligados se manifestassem, sendo garantido o pagamento das verbas rescisórias —não houve nenhuma solicitação de desligamento voluntária, segundo o ofício da CHC.

O SNA irá analisar os critérios usados para as demissões e, caso necessário, solicitará outros documentos à empresa.

Fiquem atentos a nossos meios de comunicação para novidades.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store  

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS