Uma greve de controladores de tráfego aéreo da Asecna (Agência para a Segurança da Navegação Aérea da África e Madagáscar), realizada na semana passada, afetou a operação de diversas companhias aéreas que passam pelas FIRs (Regiões de Informação de Voo) da Asecna, gerando um alerta de Safety da Ifalpa (Federação Internacional de Associações de Pilotos de Linha Aérea).

Leia o comunicado da Ifalpa (em inglês): https://tinyurl.com/ypths8xr

De acordo com relatórios recebidos pela Ifalpa, vários controladores foram substituídos por pessoas não qualificadas e não licenciadas, causando risco à segurança de voo.

Após promessa de terem as demandas atendidas, a USYCAA (União dos Sindicatos dos Controladores de Tráfego Aéreo) suspendeu a greve por 10 dias, a contar do último sábado (24).

Apesar da greve estar suspensa, a Ifalpa orienta os pilotos que redobrem a atenção ao voar pelas FIRs Dakar, Bamaco, Uagadugu, Niamei, Abdijã, Lomé e Brazavile.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 11 98687-0052

Nas duas últimas semanas, o SNA se reuniu com a Azul Linhas Aéreas no intuito de garantir algumas das solicitações do grupo de voo para que um acordo de flexibilizações operacionais, proposto pela companhia, fosse possível.

Jornada Interrompida:

Diferente do que foi proposto pela Azul, o SNA garantiu o fornecimento de acomodação em hotel para todo e qualquer evento. Além disso, o tempo de deslocamento não será mais computado no período de repouso dos aeronautas;

Alteração dos Limite de Jornada de Trabalho ("madrugadões"):

Tanto o Safety da empresa, quanto o SNA, propuseram diversas mitigações com relação ao tema, dentre as quais: apresentação considerando hora aclimada entre 20h e 22h59, máximo de duas etapas, 11 horas de jornada/nove horas de voo, dia anterior com encerramento até às 20h e um voo a cada 168 horas;

Criação de Novo Limite de Jornada de Trabalho:

A jornada poderá ser iniciada entre 5h às 5h59, com jornada diária limitada a 11h e 9h de voo, em no máximo quatro etapas e duas apresentações, a cada 168 horas;

Preferências de voos:

Ainda não foi encontrada a métrica adequada para atender aqueles que solicitarem "Voar Menos”. A opção apresentada pela empresa é de voar menos por 6 meses consecutivos ou não, de janeiro a setembro, para usufruir de 129 folgas no ano.

O SNA ponderou que, tal solicitação feita pelo tripulante, visa maior número de folgas no mês ou meses subsequentes, e não em uma média anual maior, conforme o proposto pela empresa.

Estes foram os pontos tratados entre o SNA e a empresa até o momento. Assim que a minuta for finalizada, o SNA fará uma apresentação para os devidos esclarecimentos e os tripulantes da Azul serão convocados a deliberar.

Fiquem atentos aos nossos meios de comunicação.

Em caso de dúvida, entre em contato com o SNA.

Canais de atendimento: https://tinyurl.com/sna-atendimento

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 11 98687-0052

O SNA convoca todos os aeronautas associados das empresas de aviação regular para votação on-line de deliberação sobre a pauta de reivindicações da categoria, visando a renovação da CCT (Convenção Coletiva de Trabalho) 2022/23, além de autorização para que o SNA negocie a pauta com o Snea (Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias).

A votação terá início no dia 28 de setembro, às 9h, e será encerrada no dia 29 de setembro, às 16h.

Para votar, acesse o link a seguir a partir das 9h do dia 28 e siga todas as instruções: https://votacao.aeronautas.org.br

Estão aptos a votar todos os tripulantes que ingressarem no quadro social até às 12h do dia 27 de setembro de 2022.

Em live realizada nesta segunda-feira (26), o SNA apresentou os dados das empresas de transporte aéreo, mostrando crescimento em 2022, e a proposta de pauta que será colocada em votação.

Nas cláusulas econômicas, o pedido é de reajuste pelo INPC do período de 1º de dezembro de 2021 a 30 de novembro de 2022, mais 5% de aumento real em todas as verbas salariais, e no valor das diárias nacionais, além de pagamento do VA com supressão do teto. Para diárias internacionais, reajuste pelo CPI (Índice de Preços ao Consumidor) dos EUA.

Já nas cláusulas sociais, além da manutenção na íntegra do texto vigente, a solicitação é de regras para antecipação de Passe Livre, regras para LNR, cláusula para desconsiderar o deslocamento como descanso mínimo regulamentar, dentre outras.

Íntegra da pauta a ser deliberada: https://tinyurl.com/3m4b5tmd

Veja como foi a live sobre a pauta de reivindicações:

Edital de convocação da votação: https://tinyurl.com/neza8f9w

Em caso de dúvida, entre em contato com o SNA.

Canais de atendimento: https://tinyurl.com/sna-atendimento

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 11 98687-0052

EDITAL CONVOCATÓRIO DE ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA PERMANENTE

O Sindicato Nacional dos Aeronautas - SNA, nos termos do seu Estatuto Social, por seu Diretor-Presidente, ao final assinado, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo disposto no artigo 27, alínea “a”, combinado com os artigos 20, 21, caput e §4º e 5º, 24, 25 “c” e parágrafo único, “b”, 30 caput §§ 2º e 3º e 31, §1º, todos do referido Estatuto Social e observados os demais requisitos estatutários e legais, convoca os aeronautas da aviação regular associados ao SNA, que ingressaram no quadro social até às 12h do dia 27 de setembro de 2022, a participarem da Assembleia Geral Extraordinária Plebiscitária Permanente, que será feita totalmente em ambiente virtual, com votação on-line, sendo iniciada no dia 28 de setembro de 2022, às 9h, e encerrada no dia 29 de setembro de 2022, às 16h, com a seguinte ordem do dia: a) Deliberação da Pauta de Reivindicações da categoria para renovação da Convenção Coletiva de Trabalho da Aviação Regular 2022/2023; b) Autorização para negociação pelo SNA da Pauta de Reivindicações; c) Deliberação para tornar esta AGE permanente; d) Autorização para o SNA ingressar com todas as medidas extrajudiciais e judiciais cabíveis referentes a esta negociação.

São Paulo, 26 de setembro de 2022.

Henrique Hacklaender Wagner

Diretor Presidente

O SNA se reuniu, nesta segunda-feira (26) com a Latam Airlines Brasil. A empresa pediu alguns esclarecimentos sobre as sugestões dos aeronautas que foram recebidas na última quinta-feira (22).

Foi a primeira etapa de negociações após a companhia apresentar as premissas para a formulação de ACT.

A Latam pontuou que vai analisar todos os itens e apresentará suas considerações em nova reunião, marcada para a próxima segunda-feira (3).

O SNA reforçou que a extensão da jornada diurna proposta pela empresa é inviável, devido aos relatos de fadiga dos tripulantes. Além disso o sindicato apontou a importância de respeitar o repouso mínimo regulamentar, não computando o tempo de deslocamento do aeroporto até o local de descanso, e ainda, o horário de início da jornada após duas madrugadas.

Fiquem atentos aos nossos meios de comunicação.

Em caso de dúvida, entre em contato com o SNA.

Canais de atendimento: https://tinyurl.com/sna-atendimento

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 11 98687-0052

O SNA realizará nesta segunda feira (26), às 18h, live em seu canal no Youtube sobre proposta de pauta de reivindicações para renovação da Convenção Coletiva de Trabalho da aviação regular 2022/23.

Inscreva-se em nosso canal do Youtube: https://www.youtube.com/sindicatonacionaldosaeronautas

O sindicato abriu canal de sugestões e recebeu contribuições dos tripulantes com propostas de mudanças e melhorias entre os dias 14 e 24 de setembro.

Lembramos que a pauta de reivindicações deverá ser aprovada em votação a ser convocada pelo SNA nos próximos dias.

Em caso de dúvida, entre em contato com o SNA.

Canais de atendimento: https://tinyurl.com/sna-atendimento

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 11 98687-0052

A Ifalpa (Federação Internacional das Associações de Pilotos de Linha Aérea) abriu inscrições para a contratação de um oficial técnico, para atender aos desafios e demandas atuais no departamento técnico e de segurança. O contratado ficará baseado na sede da Ifalpa, em Montreal, no Canadá.

O profissional contratado vai apoiar, coordenar e aconselhar sobre atividades e iniciativas técnicas e relacionadas à segurança, respondendo diretamente ao vice-presidente executivo de Normas Técnicas e de Segurança (EVP TSS) e ao diretor técnico.

O candidato deve ser piloto, ter no mínimo cinco anos de experiência progressiva em posições de suporte na aviação, ou em questões governamentais relacionadas, inglês fluente, além de disponibilidade para viagens internacionais. Licenciatura em Engenharia Aeroespacial, Gestão de Aviação ou áreas afins é desejável, mas não obrigatório.

O prazo para inscrições é 30 de setembro de 2022.

Associados SNA podem se candidatar enviando currículo e carta de apresentação para o e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Em caso de dúvida entre em contato com o SNA.

Canais de atendimento: https://tinyurl.com/sna-atendimento

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 11 98687-0052

A Justiça do Trabalho publicou sentença, com concessão de liminar, condenando a Líder Táxi Aéreo ao custeio do pagamento de acomodações/hospedagens e transporte aos aeronautas. Também ficou estabelecida multa diária de R$ 1.000,00, a ser revertida a cada aeronauta prejudicado, em caso de descumprimento da sentença.

A Líder também foi condenada a ressarcir os aeronautas que custearam, por seus próprios meios, despesas com acomodação/hospedagem e transporte, que eram de responsabilidade da empresa, bem como a multa da CCT (Convenção Coletiva de Trabalho).

A empresa pode recorrer da decisão.

Em caso de dúvida, entre em contato com o SNA.

Canais de atendimento: https://tinyurl.com/sna-atendimento

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 11 98687-0052

A Justiça do Trabalho acatou recurso do MPT (Ministério Público do Trabalho) na ação do SNA contra a Icon G Táxi Aéreo sobre contratação de aeronautas como pessoas jurídicas e salários pagos por fora para declarar a nulidade da decisão.

Foi determinado o retorno dos autos para o juízo de primeiro grau para que seja analisado o mérito da ação.

A ação havia sido extinta sem resolução de mérito por entendimento de que o SNA seria ilegítimo para pleitear coletivamente os direitos dos aeronautas da Icon G.

A justiça do trabalho determinou, ainda, a intimação do MPT para acompanhamento do processo.

Em caso de dúvida, entre em contato com o SNA.

Canais de atendimento: https://tinyurl.com/sna-atendimento

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 11 98687-0052