Após remarcação da reunião do SNA com a direção da Latam para sexta-feira (13), o sindicato irá realizar na própria sexta, às 20h, uma live em seu canal no Youtube para prestar esclarecimentos aos tripulantes da Latam sobre as negociações.

Inscreva-se em nosso canal do Youtube: https://www.youtube.com/sindicatonacionaldosaeronautas.

Canais de atendimento do SNA: https://bit.ly/3breFNZ.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store 

Na primeira reunião de negociação da renovação da Convenção Coletiva de Trabalho da aviação regular para 2020/21, realizada nesta quarta-feira (4), o SNA e o Snea (Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias) assumiram a garantia de data-base da categoria — dia 1º de dezembro.

Com isso, fica garantindo que, no caso de a negociação se estender além desta data, ficam mantidas todas as cláusulas da atual CCT até que a renovação seja concluída.

Também nessa primeira reunião, foi definido um calendário de reuniões para o prosseguimento da negociação —as próximas serão nos dia 11, 18 e 25 de novembro.

No dia 11, o Snea deverá apresentar a sua pauta de reivindicações e esperamos uma posição a respeito da pauta de reivindicação da categoria.

Veja a pauta de reivindicações completa aprovada pelos aeronautas: https://tinyurl.com/y3ahfxgb.

Lembramos que toda decisão sobre a renovação da CCT é sempre tomada pelos tripulantes associados, em assembleia. Por isso a participação de todos é de extrema importância.

Fiquem atentos aos nossos meios de comunicação para mais novidades.

Em caso de dúvida, entre em contato com o SNA.

Canais de atendimento: https://bit.ly/3breFNZ.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Stor

Em live realizada na terça-feira (3), em seu canal no Youtube, o SNA prestou esclarecimentos aos tripulantes da Latam sobre as negociações com a empresa, após mais uma reunião.

Inscreva-se em nosso canal do Youtube: https://www.youtube.com/sindicatonacionaldosaeronautas.

Canais de atendimento do SNA: https://bit.ly/3breFNZ.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store

O SNA oficiou as empresas Latam Airlines Brasil e Gol Linhas Aéreas na última sexta-feira (30) para solicitar o aumento da quantidade de ônibus disponibilizados por ambas para transporte terrestre entre aeroportos, sobretudo em Cumbica (GRU) e Congonhas (CGH).

De acordo com relatos de tripulantes, o fornecimento de transporte terrestre entre aeroportos não tem sido compatível com a retomada das operações, o que tem ocasionado dificuldades.

O SNA ressalta que o transporte terrestre para o aeroporto de base contratual do tripulante deve ser fornecido pela empresa de acordo com o artigo 25 da Lei do Aeronauta (Lei 13.475/2017) e da cláusula 3.3.15 da Convenção Coletiva de Trabalho da aviação regular.

Desta forma, o sindicato aguarda um posicionamento das empresas e a solução do problema o mais breve possível.

Canais de atendimento do SNA: https://bit.ly/3breFNZ.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store

O SNA vai realizar live nesta terça-feira (3), às 20h, em seu canal no Youtube, para prestar esclarecimentos aos tripulantes da Latam sobre as negociações com a empresa.

Inscreva-se em nosso canal do Youtube: https://www.youtube.com/sindicatonacionaldosaeronautas.

Canais de atendimento do SNA: https://bit.ly/3breFNZ.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store    

Em live realizada nesta terça-feira (20), após a terceira reunião com a Latam, o SNA prestou esclarecimentos aos tripulantes sobre a evolução da proposta da empresa para alterações permanentes na remuneração.

Uma nova reunião com o SNA já está marcada para o dia 27 de outubro.

Inscreva-se em nosso canal no Youtube: https://www.youtube.com/sindicatonacionaldosaeronautas.

Canais de atendimento do SNA: https://bit.ly/3breFNZ.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store   

O SNA vai realizar uma live nesta terça-feira (20), às 16h, em seu canal no Youtube, para prestar esclarecimentos aos tripulantes da Latam após a terceira reunião com a empresa, que está marcada para ocorrer também nesta terça, no período da manhã.

Inscreva-se em nosso canal do Youtube: https://www.youtube.com/sindicatonacionaldosaeronautas.

Canais de atendimento do SNA: https://bit.ly/3breFNZ.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store    

Veja como foi a live feita pelo SNA na terça-feira (13), após reunião com a Latam.
 
A empresa apresentou um esboço de um futuro ACT, com alterações permanentes na remuneração, algumas contrapartidas, e uma nova reunião foi marcada para o dia 20 de outubro, para detalhamento dos valores e aprofundamento do debate com o sindicato.

O SNA vai realizar mais uma live nesta terça-feira (13), às 20h, em seu canal no Youtube, para repassar aos tripulantes da Latam as tratativas da segunda reunião com a empresa, que ocorrerá hoje a tarde.
 
No primeiro encontro, no último dia 8 de outubro, a Latam reafirmou o objetivo de redução de 20% no custo da folha de pagamento e apresentou algumas possibilidades na alteração do modelo de remuneração, além de outras alternativas que serão apresentadas futuramente.
 
Veja a live realizada pelo SNA no dia 8 de outubro, com todos os detalhes da primeira reunião: https://tinyurl.com/y5wneoqc.
 
Fiquem atentos aos nossos meios de comunicação para mais novidades.

Inscreva-se em nosso canal do Youtube para acompanhar as lives de esclarecimentos a qualquer momento: https://www.youtube.com/sindicatonacionaldosaeronautas.

Canais de atendimento do SNA: https://bit.ly/3breFNZ.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store

 

post live latam 13out

Na live de quinta-feira (8), o SNA apresentou o resultado do primeiro encontro com a Latam, após votação que aprovou a negociação do sindicato com a empresa.
 
A Latam apresentou algumas premissas e possibilidades de negociação da remuneração, entre outros assuntos, e uma nova reunião foi agendada para o dia 13 de outubro.
 
 

Os tripulantes da Latam Airlines Brasil que foram demitidos sem justa causa e aguardam a correta remuneração do valor do seguro-desemprego podem solicitar a revisão do benefício pela via administrativa, enquanto tramita o processo judicial impetrado pelo SNA contra a empresa.

Para fazer a revisão do cálculo do seguro-desemprego, os aeronautas devem acessar o site do governo federal (www.gov.br/trabalho) e justificar o pedido de análise, anexando os documentos que comprovam os valores corretos.

No dia 28 de setembro, a Justiça determinou que a Latam cumpra, no prazo de dez dias, sob pena de multa diária de R$1.000,00 a ser revertida ao trabalhador substituído, o pedido de liminar feito pelo SNA para que considere a correta remuneração dos aeronautas desligados para fins de percepção do seguro-desemprego. 

A liminar determina que a Latam considere os salários brutos dos três últimos meses para o cálculo da média aritmética do seguro-desemprego, porém esta decisão só será cumprida quando processo transitar em julgado —ou seja, quando não houver mais possibilidade de recurso por parte da empresa.

Caso não seja aprovado o recurso administrativo, há pedido na ação coletiva proposta pelo SNA para que a Latam indenize o tripulante, tendo como referência a diferença do valor devido a título de seguro-desemprego.

Em caso de dúvida, entre em contato com o SNA.

Canais de atendimento: https://bit.ly/3breFNZ.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/associe-se-sna
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: Procurar SNA no Google Play ou na Apple Store

Os sindicatos de pilotos da Alemanha, Áustria, Coreia do Sul, Estados Unidos, Holanda, Hong Kong e Índia, membros da Ifalpa (Federação Internacional de Associações de Pilotos de Linhas Aéreas), enviaram cartas de apoio ao SNA em referência ao caso recente de dumping social praticado pela Latam Airlines Brasil, por ter exercido pressão nos tripulantes para a aceitação de reduções permanentes nas remunerações.
 
As mensagens foram recebidas após a Ifalpa publicar em seu site o pedido de assistência mútua feito pelo SNA em nome dos pilotos da Latam.
 
Para ler a publicação, acesse o link: https://tinyurl.com/y4s4oxok.
 
O SNA explicou a seus pares na Ifalpa que, desde o início de setembro, a Latam Chile vem executando a rota São Paulo (GRU) - Nova York (JFK) e passou a operar as rotas GRU - Madrid (MAD) e GRU - Orlando (MCO) em outubro. A empresa chilena anunciou que somente voltaria a operar estas rotas com a Latam Brasil se os tripulantes brasileiros aceitassem um acordo com reduções permanentes nos salários.
 
Em uma das mensagens de suporte aos aeronautas brasileiros, a associação dos pilotos da Alemanha manifesta preocupação com a situação: "é um acontecimento lamentável que pilotos de todo o mundo tenham que enfrentar conflitos semelhantes nos últimos tempos, e nós temos que estar juntos durante essa crise".
 
O sindicato de pilotos da Áustria ressalta que o estabelecimento de um diálogo social construtivo entre a empresa e os representantes dos pilotos deveria ser o objetivo principal dos gestores da Latam e que o conflito com os empregados levanta várias preocupações na organização, incluindo questões relacionadas à segurança de voo durante a crise.
 
A associação de pilotos dos Estados Unidos afirma que, embora o mercado global de companhias aéreas tenha se tornado mais competitivo, os princípios básicos de manutenção de uma carreira e dos termos e das condições que promovem uma boa qualidade de vida aos pilotos nunca devem fazer parte da competição.
 
Já o sindicato holandês ressaltou: "a empresa coloca os pilotos uns contra os outros, medidas que nós, como uma comunidade internacional de pilotos de linha aérea, não devemos tolerar”.
 
Veja todas as mensagens enviadas na íntegra:
 
- Estados Unidos - https://tinyurl.com/y5xrps7c 
- Coreia do Sul - https://tinyurl.com/yxlymjva